Teste Covid


 
O teste rápido verifica se você já produziu anticorpos anti Covid-19. Ou seja, ele não detecta a presença do vírus, mas sim se você teve contato com ele e já produziu anticorpos.
 
Quem pode ser testado?
• Pessoas que não apresentaram sintomas de COVID19;
• Pessoas que apresentaram sintomas há pelo menos 8 dias, mas que já estejam SEM SINTOMAS.    
(Mais informações sobre os sintomas e a pandemia você encontra abaixo)
 
 
Locais que serão aplicados os testes:
A coleta pode ser realizada nas farmácias abaixo descritas:
 
BLUMENAU
FM 551 - Endereço: R. XV de Novembro, 1344, Centro
FM 596 - Endereço: R. Amazonas, 441, Garcia
FM 546 - Endereço: R. Angelo Dias, 72, Centro
 
BRUSQUE
FM 504 - Endereço: Av. Dom Joaquim, 437, Jd. Maluche
 
CAÇADOR
FM 515 - Endereço: Av. Barão do Rio Branco, 767, Centro
 
CANOINHAS
FM 531 - Endereço: R. Francisco De Paula Pereira, 507, Centro
 
CHAPECÓ
FM 517 - Endereço: Av. Getúlio Vargas, 150, Centro
 
COCAL DO SUL
FM 569 - Endereço: R. Dr. Polidoro Santiago, 460, Centro
 
CONCÓRDIA
FM 587 - Endereço: R. Mal. Deodoro, 969, Centro
 
CORREIA PINTO
FM 545 - Endereço: Av. Tancredo Neves, 481 , Centro
 
CRICIÚMA
FM 513 - Endereço: R. Marechal Deodoro, 234, Centro
 
FLORIANÓPOLIS
FM 544 - Endereço: R. Lauro Linhares, 2135, Trindade
FM 581 - Endereço: R. Eng. Max de Souza, 1048, Coqueiros
 
FRAIBURGO
FM 522 - Endereço: R. Irmãos Rudeck, 169 , Centro
 
INDAIAL
FM 564 - Endereço: R. Marechal Floriano Peixoto, 323, Centro
 
ITAJAÍ
FM 523 - Endereço: Av. Coronel Marcos Konder, 496, Centro
 
JARAGUÁ DO SUL
FM 511 - Endereço: R. Joaquim Francisco de Paula, 353, Bairro Chico de Paulo
FM 915 - Endereço: R. Walter Marquardt, 835, B. do Rio Molha
FM 922 - Endereço: R. Bernardo Dornbusch, 1300, Vila Lalau
 
JOAÇABA
FM 518 - Endereço: R. Getúlio Vargas, 229, Centro
 
JOINVILLE
FM 559 - Endereço: R. Tuiuti, 2108, Aventureiro
FM 599 - Endereço: R. Dr. João Colin, 222, Centro
FM 902 - Endereço: R. Otto Pfuetzenreuter, 556 , Costa e Silva
FM 919 - Endereço: R. Dr. João Colin, 1145, América
 
LAGES
FM 527 - Endereço: R. Marechal Deodoro, 287, Centro
FM 528 - Endereço: Av. Luis de Camões, 391, Coral
 
MAFRA
FM 536 - Endereço: R. Felipe Schmidt, 1387, Centro
 
OTACÍLIO COSTA
FM 520 - Endereço: R. Bahia, 29, Pinheiros
 
PALHOÇA
FM 561 - Endereço: R. da Universidade, 346, sL 25, Passeio Pedra Branca, Pedra Branca
 
RIO DO SUL
FM 579 - Endereço: Av. Gov. Ivo Silveira, 555, Canta Galo
 
RIO NEGRINHO
FM 540 - Endereço: R. Jorge Zipperer, 44 , Centro
 
SÃO BENTO DO SUL
FM 505 - Endereço:  Rua Visconde de Taunay, 273, Centro
FM 568 - Endereço:  Rua Antônio Kaesemodel, 2539, Oxford
 
TUBARÃO
FM 542 - Endereço: Av. Marcolino M. Cabral, 830, Centro
FM 588 - Endereço: Av. Marcolino M. Cabral, 1702, Vila Moema
 
VIDEIRA
FM 516 - Endereço: R. Saul Brandalise, 93, Centro
 
XANXERÊ
FM 570 - Endereço: Av. Brasil, 139 , Centro
 
VALORES
A farmaSesi irá atender com a venda dos testes Rápidos de determinação qualitativa de vírus para SARS-CoV-2
R$ 126,00 - Cliente conveniado
R$ 140,00 - Clientes em geral
Esse valor pode ser parcelado em até 4x no cartão de crédito.
 
 
Como Solicitar
1 – Preencha o formulário clicando no botão abaixo.
 
 
2 – O farmacêutico responsável entrará em contato para confirmar o pedido e fazer o agendamento.
 

 
Por que testar?
 
O testeSesi está em consonância com as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) cuja principal recomendação para combater o coronavírus é testar, rastrear e isolar o maior número possível de casos. 
 
Para especialistas, portanto, a realização dos testes em massa é a melhor estratégia para conter a transmissão do vírus. Sendo assim, para uma retomada segura das atividades, a testagem das pessoas desponta como uma das medidas mais eficazes. 
 
Vale ressaltar, entretanto, que mesmo com a testagem em massa, a manutenção do regime home office ainda é indicada para os trabalhadores que puderem exercer seu ofício remotamente.
 
 
Tipos de teste realizado 
O COVID-19 IgG/IgM Teste é um teste rápido imunocromatográfico para a detecção qualitativa de anticorpos IgG e IgM anti-COVID-19 e não da presença do vírus, presente em amostras humanas de sangue total. 
 
 
Para quem é este teste?

Pacientes com suspeita de Covid-19 há pelo menos 8 dias. 

Seguindo recomendação do Ministério da Saúde e dados de performance disponíveis, os testes devem ser aplicados em pessoas cujos sintomas compatíveis com síndrome gripal tenham se iniciado há pelo menos 8 dias. Essa precaução reduz a chance de resultados falso-negativos.
 
Portanto, antes da indicação do teste, será realizada entrevista para triagem clínica do paciente, para caracterização dos sintomas condizentes com síndrome gripal e indicação do teste

Define-se por quadro de síndrome gripal, pessoas que apresentam quadro respiratório agudo, caracterizado por sensação febril ou febre, mesmo que relatada, acompanhada de tosse OU dor de garganta OU coriza OU dificuldade respiratória. Em crianças, considera-se também a presença obstrução nasal, na ausência de outro diagnóstico específico. Em idosos, a febre pode estar ausente, e deve-se considerar também critérios específicos de agravamento como sincope, confusão mental, sonolência excessiva, irritabilidade e inapetência. A testagem nesse caso é recomendada.

Pacientes com síndrome gripal e sinais/sintomas adicionais como falta de ar, dificuldade de respirar e cansaço excessivo, sensação de pressão no tórax, rosto ou pontas dos dedos azulados, saturação de oxigênio (sO2) abaixo de 95% ou hipotensão (PA abaixo de 110/60 mmHg) são considerados graves e devem ser encaminhados imediatamente ao serviço de saúde. A testagem nesse caso é opcional, conforme avaliação do profissional.

Pacientes pertencentes a grupos de risco, como idosos (acima de 60 anos), portadores de doenças cardiovasculares, diabetes, imunossuprimidos e gestantes devem ser encaminhados ao serviço de saúde, mesmo na presença de sintomas leves. A testagem nesse caso é recomendada.

Nos casos de trabalhadores e pessoas economicamente ativas, para fins de análise da possível interrupção do período de isolamento e retorno ao trabalho, o Ministério da saúde recomenda testagem, desde que o início dos sintomas seja há pelo menos 8 dias e adicionalmente a pessoa esteja há 72h assintomática. Neste caso, seguir estritamente o fluxo de decisão recomendado pelo Ministério da Saúde. Além do teste, o profissional só poderá retornar após avaliação médica.

Pessoas assintomáticas que tiveram exposição a risco de contaminação pelo SARS-CoV-2 há pelo menos 20 dias. São pessoas que não manifestaram sintomas da doença, mas suspeitam que podem ter sido contaminadas. Nesse caso, aguardar pelo menos 20 dias da data de possível exposição, a fim de reduzir a chance de falso-negativo.

No caso de menores de 18 anos, a testagem deve ser feita apenas com autorização e na presença do responsável.
 
O teste rápido não é indicado a pessoas que não apresentam suspeita ou risco de exposição ao vírus, ou a pacientes com sintomas iniciados há menos de 8 dias. Pacientes com sintomas recentes possuem maior chance de resultado falso-negativo devido a janela de soroconversão (produção de anticorpos).
 
 
O Atendimento
Todos os clientes testados devem permanecer de máscara durante todo o processo. A farmácia está preparada de acordo com normas das autoridades fiscais referente a fluxo de atendimento, cobrança, atendimento, espera...
 
 
Envio do resultado
O resultado será enviado através de um laudo padrão conforme Anvisa, por e-mail ou WhatsApp.
 
 
Medidas de segurança para coletores do teste
A farmaSesi segue protocolos rigorosos de biossegurança. Por isso, os nossos coletores estarão equipados com gorro, máscara, protetor facial ou óculos de proteção, avental descartável e luvas durante todo atendimento. Medidas adicionais de biossegurança serão tomadas em relação ao local de atendimento e procedimentos. 
 

 
Orientações Gerais sobre a doença 
 
O que é COVID-19?
A COVID-19 é uma doença causada pelo coronavírus SARS-CoV-2, que apresenta um quadro clínico que varia de infecções assintomáticas a quadros respiratórios graves. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a maioria dos pacientes com COVID-19 (cerca de 80%) podem ser assintomáticos e cerca de 20% dos casos podem requerer atendimento hospitalar por apresentarem dificuldade respiratória e desses casos aproximadamente 5% podem necessitar de suporte para o tratamento de insuficiência respiratória (suporte ventilatório).
 
 
O que é o coronavírus?
Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China. Provoca a doença chamada de COVID-19.
 
Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.
 
A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.
 
 
Quais são os sintomas?
Os sintomas da COVID-19 podem variar de um simples resfriado até uma pneumonia severa. Sendo os sintomas mais comuns: 
 
Tosse, febre, coriza, dor de garganta e dificuldade para respirar.
 
 
Como é transmitido?
  • A transmissão acontece de uma pessoa doente para outra ou por contato próximo por meio de: 
  • Toque do aperto de mão; 
  • Gotículas de saliva; 
  • Espirro; 
  • Tosse; 
  • Catarro; 
  • Objetos ou superfícies contaminadas, como celulares, mesas, maçanetas, brinquedos, teclados de computador etc
 
Diagnóstico
Pessoa com quadro respiratório agudo, caracterizado por sensação febril ou febre, que pode ou não estar presente na hora da consulta (podendo ser relatada ao profissional de saúde), acompanhada de tosse OU dor de garganta OU coriza OU dificuldade respiratória, o que é chamado de Síndrome Gripal.
 
Pessoa com desconforto respiratório/dificuldade para respirar OU pressão persistente no tórax OU saturação de oxigênio menor do que 95% em ar ambiente OU coloração azulada dos lábios ou rosto, o que é chamado de Síndrome Respiratória Aguda Grave. Caso o paciente apresente os sintomas, o profissional de saúde poderá solicitar exame laboratoriais.
 
O diagnóstico da COVID-19 também pode ser realizado a partir de critérios como: histórico de contato próximo ou domiciliar, nos últimos 7 dias antes do aparecimento dos sintomas, com caso confirmado laboratorialmente para COVID-19 e para o qual não foi possível realizar a investigação laboratorial específica, também observados pelo profissional durante a consulta.
 
 
Como se proteger?
  • Lave com frequência as mãos até a altura dos punhos, com água e sabão, ou então higienize com álcool em gel 70%.
  • Ao tossir ou espirrar, cubra nariz e boca com lenço ou com o braço, e não com as mãos.
  • Evite tocar olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Ao tocar, lave sempre as mãos como já indicado.
  • Mantenha uma distância mínima de cerca de 2 metros de qualquer pessoa tossindo ou espirrando.
  • Evite abraços, beijos e apertos de mãos. Adote um comportamento amigável sem contato físico, mas sempre com um sorriso no rosto.
  • Higienize com frequência o celular e os brinquedos das crianças.
  • Não compartilhe objetos de uso pessoal, como talheres, toalhas, pratos e copos.
  • Mantenha os ambientes limpos e bem ventilados.
  • Evite circulação desnecessária nas ruas, estádios, teatros, shoppings, shows, cinemas e igrejas. Se puder, fique em casa.
  • Se estiver doente, evite contato físico com outras pessoas, principalmente idosos e doentes crônicos, e fique em casa até melhorar.
  • Durma bem e tenha uma alimentação saudável.
  • Utilize máscaras caseiras ou artesanais feitas de tecido em situações de saída de sua residência. 
 
 
Se eu ficar doente?
Caso você se sinta doente, com sintomas de gripe, evite contato físico com outras pessoas, principalmente idosos e doentes crônicos e fique em casa por 14 dias.

Só procure um hospital de referência se estiver com falta de ar.

 
Em caso de diagnóstico positivo para COVID-19, siga as seguintes recomendações:
 
  • Fique em isolamento domiciliar.
  • Utilize máscara o tempo todo.
  • Se for preciso cozinhar, use máscara de proteção, cobrindo boca e nariz todo o tempo.
  • Depois de usar o banheiro, nunca deixe de lavar as mãos com água e sabão e sempre limpe vaso, pia e demais superfícies com álcool ou água sanitária para desinfecção do ambiente.
  • Separe toalhas de banho, garfos, facas, colheres, copos e outros objetos apenas para seu uso.
  • O lixo produzido precisa ser separado e descartado.
  • Sofás e cadeiras também não podem ser compartilhados e precisam ser limpos frequentemente com água sanitária ou álcool 70%.
  • Mantenha a janela aberta para circulação de ar do ambiente usado para isolamento e a porta fechada, limpe a maçaneta frequentemente com álcool 70% ou água sanitária.
  • Caso o paciente não more sozinho, os demais moradores da devem dormir em outro cômodo, longe da pessoa infectada, seguindo também as seguintes recomendações:
  • Manter a distância mínima de 2 metros entre o paciente e os demais moradores.
  • Limpe os móveis da casa frequentemente com água sanitária ou álcool 70%.
  • Se uma pessoa da casa tiver diagnóstico positivo, todos os moradores ficam em isolamento por 14 dias também.
  • Caso outro familiar da casa também inicie os sintomas leves, ele deve reiniciar o isolamento de 14 dias. Se os sintomas forem graves, como dificuldade para respirar, ele deve procurar orientação médica. Procure um serviço de saúde apenas se apresentar falta de ar.